Querem ver o que temos lá no coisinhas da chica?

Querem ver o que temos lá no coisinhas da chica?
Basta clicar!

  ♥ Embrenhe-se... ♥



Embrenhe -se fundo na floresta que reside dentro de você mesmo.

Vasculhe bem, procure atrás de todas as árvores dessa floresta, tente não deixar nenhum cantinho sem ser revisado.

Isso pode levar tempo...muito tempo. Porém para isso, não há pressa!

E então, de repente, abrir-se-á uma clareira, tudo ficará mais claro e iluminado!

É a percepção de nós mesmos!

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Com esse texto, encerro nosso ano por aqui, bem cedo pois teremos a visita de nosso filho de longe e para tanto, muito a preparar, arrumar e organizar. 

Voltaremos no final de janeiro, após as férias de verão!

Agradeço cada visitinha, cada carinho que foi dispensado aqui e nos meus cantinhos e sempre me deixaram feliz.

O único blog aberto nesse período será o canteiros da vida, de onde trarei novidades quando as tiver...

Por isso, desejo, desde já, ÓTIMAS E FELIZES FESTAS!

UM NATAL DE AMOR E PAZ E  QUE 2017  RAIE CHEIO DE ALEGRIAS E MUIIIIIITA LUZ!


beijos, INTÉ!  chica

♥ O remédio... ♥



Essa é minha participação no blog das 77 palavras, da Margarida, de Portugal:

Desafio de hoje:
Para este desafio, temos a mesma frase a começar e a encerrar o texto.
É esta: Remediar sempre me/lhe pareceu/parecera fácil.
Pode sofrer pequenas alterações, mas terá sempre de ser igual – no início e no fim.
Combinado?

(((o)))o(((o)))o(((o)))


Remediar sempre me pareceu fácil, dizia Roberto aos amigos.

Exibido, contava vantagens. Era o maioral!

Contava que quando marcava encontro com as “gatas” como chamava as moças, já sabia que as deixaria na mão. Seria apenas um encontro, onde conseguiria o que queria e depois, nunca mais!
Os amigos riam, achavam graça. Anos se passaram e ele realmente apaixonado, na igreja esperava a noiva.
Claro, essa não apareceu. Vingança guardada dela e  remediar sempre lhe pareceu fácil !

  ♥ Num provador ... ♥


Imagem daqui

Minha Participação no Projeto Conte com 77 palavras

Desafio nº 112

Não sei se vou sobreviver depois de propor isto, mas acreditem que é divertido!!!

No vosso texto, há 15 palavras que vos dou. No fundo, só precisam de escrever 62…
São elas:
Claro – três vezes
Escuro – três vezes
Estúpido – três vezes
Esperto – três vezes
Mexe-te – três vezes
(podem adaptar as palavras, claro)

(((o)))o(((o)))o(((o)))


-Podes  alcançar a saia azul claro da vitrine ? Mexe-te, por favor.Tenho pressa!

-Claro, mas só encontrei  a azul escuro.

-Claro como? Ela esta lá ao lado da verde escuro.

-Nada vi lá!

-Que vendedor “esperto”, és!Mexe-te!

-Minha esperteza te fará corar!

-Tua estupidez fez teu pensamento escuro, falta-te luz...

-Estúpido ,eu?

-Estúpida  eu!

Sai , só de calcinhas. Busca a saia desejada.

-Não disse que era esperto? Belo desfile!

-Mexe-te, agora! Arranja novo emprego! Serás demitido !





♥ Quem sabe? ♥

Dunken K Bliths

Onde andará meu amor?
Sarah ali triste o globo a girar,
a cada volta ,pensamentos que iam e voltavam...

A brisa movia ligeiramente a cortina,
o espelho mostrava seu braço em movimento...

Ela, na intensidade de seus pensamentos , nem atina...
Girava rápido demais...
Na vida para respostas importantes paciência temos que ter...

chica


  ♥ Ó, que dó!!! ♥



Essa é minha participação no blog das 77palavras...
Desafio RS nº 42

Tarefa:
Bom, vamos lá partir a cabeça… com a palavra ESCOLA!

Que palavras encontramos com as letras (não precisam de ser todas!) de escola?

Tentem encontrar muitas, vá, é divertido «sofrer» com isto – não podem ser menos de 6!
Depois, já sabem, escrevam um texto com elas!
Ah… NÃO PODEM USAR A PALAVRA ESCOLA NEM FALAR DE ESCOLAS!

((o))o((o))o((o))

Com a palavra ESCOLA, formei as seguintes palavras:

CALO- ALÔ- SOLA-ESCOL-CELA-SACO- SOL

Lá vai meu texto...

((o))o((o))o((o))

Vera, num dia de SOL, foi ao shopping. Precisava de um sapato lindo. Sabia exatamente a loja onde o encontraria. Lá tinha sempre o ESCOL, o top.
Assim foi. Encontrou, adorou, comprou saiu de lá com ele no pé. Andou e eis que seu dedão gritou: ALÔ, estou apertado, terei um CALO.
Ela o pega pela SOLA, raivosa o atira numa CELA, sem pelo menos o colocar em um SACO.  Certamente alguém o acharia e feliz ficaria!