Querem ver o que temos lá no coisinhas da chica?

Querem ver o que temos lá no coisinhas da chica?
Basta clicar!

♥ Acontece...


84ª Edição Visual do Bloinquês

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Tudo combinado,
faltava apenas  em prática colocar...

Renato ficaria de um lado
esperando a coisa por lá rolar...

1, 2, 3! Vamos lá!
Tudo pronto,GRAVANDO!!!
a filmagem vai começar!

Denise  lá do primeiro andar
 na piscina se jogaria
 Renato estaria a lhe esperar
e logo dali a tiraria...

Estava tudo bem ensaiado
daria certo, com certeza!

O dublê por Denise foi dispensado
 sairia tudo a contento, uma beleza!

No entanto, Denise salta, afunda,
sobe e só se vê sua mão esticada pedindo ajuda...

Essa não veio! E foi tudo por ele planejado...
Renato hoje, resolvera dela se cobrar...

Tanto lhe amara e, que ela a deixara de lado
 para com o Diretor da filmagem se casar!

Agora no set, o horror
Renato era um grande traidor...

Acabaria assim um grande amor?

.............................................

Parabéns, a cena foi perfeita, grita o diretor! rs...

♥ Uma vitória antes da sentença...



81º edição conto/história Bloinquês- 

Tema: Sem me controlar, acabei contando tudo o que sabia


(((o)))o(((o)))o(((o)))

Hoje, dia em que minha amiga Nelita se forma em Direito, resolvi contar à ela um pouco da experiência e vivências de Melissa, minha advogada há muitos anos. Com isso, pretendia abrir seus olhos ao que pela frente pode encontrar e fazê-la ver que não devemos deixar que nos intimidem e na nossa presença, nunca admitir que pessoas sejam desrespeitadas .

Assim comecei:

Como advogada que Melissa era, sempre tinha mil argumentos e ponderações...

Era esforçada e fazia de tudo para lutar pelos direitos dos seus clientes.

Certo dia, em uma audiência , presentes todas as partes, reclamante e reclamada, ela percebe um certo tom de descaso por parte do juiz ao se dirigir à pessoa do seu cliente Juca, homem trabalhador e bem humilde.
Percebeu, mas quis acreditar que estava enganada...

Porém mais adiante, o Juiz se referiu  assim novamente e para piorar debochou da roupa que Juca se apresentara ali.
Disse, descarada e cinicamente:
_Que linda roupa! Não tinha nada melhor? Nunca vi nada igual por aqui!

Melissa aí não mais suportou...

Como advogada, sabia estava ali, naquela sala, em condições de inferioridade  em relação ao juiz. Porém , não aguentou...

Foi assim, Melissa me relatou:

- Sem me controlar, acabei contando tudo o que sabia sobre a vida do juiz naquela cidade do interior.Falei sobre suas três mulheres, vida desregrada e tantas coisas mais...Disse que se  o meu cliente se comportasse  como ele, talvez tivesse oportunidades da ganhos maiores,etc...

_ Noossa, e então? O que aconteceu? pergunta Nelita, bem curiosa.

_ Bem, ela quase fui fulminada pelo olhar do magistrado, porém o enfrentou novamente com , segundo ela,seu "olhar X57" e então, ele viu que  realmente ela sabia...Não falava apenas por falar!
E não tinha medo de enfrentar qualquer punição,sabendo que falava a verdade .

_E como acabou? Interroga, curiosa Nelita.

Surpreendentemente ao invés de ser conduzida para fora da sala de audiências por desrespeito, a audiência seguiu...
A sentença ficou marcada...

E , após a audiência, o Juiz a manda chamar na sala dos advogados. Lhe diz:

_ Apesar de tudo que ouvi e, não posso dizer que me agradou,quero lhe dizer que és uma ótima advogada e se, qualquer pessoa de minha família ou conhecida, de uma precisar, certamente serás indicada.

Mostraste garra e defendeste muito bem o cliente. 

E, da minha parte, peço desculpas pelo meu modo de agir. Isso me fez repensar minhas atitudes.Valeu.Apesar de tudo, te agradeço.

Apertaram as mãos, e Melissa me disse que depois daquilo, claro que estava interessada no final do processo, na sentença, porém, já havia ganho muito...

Assim, desejo pra ti, Nelita, que saibas solucionar ,sempre baseada na veracidade e consciência, todas as situações que  a profissão que hoje inicias, exigir. Boa sorte!

Nelita então saiu da sala, foi para o quarto, terminar de se preparar para a formatura.  Levava dentro de si a certeza que tudo iria dar certo. 

* Imagem Daqui