Querem ver o que temos lá no coisinhas da chica?

Querem ver o que temos lá no coisinhas da chica?
Basta clicar!

Querem ver o que temos no chica brinca de poesia???

Querem ver o que temos no chica brinca de poesia???
Cliquem pra ver!

  ♥ Embrenhe-se... ♥



Embrenhe -se fundo na floresta que reside dentro de você mesmo.

Vasculhe bem, procure atrás de todas as árvores dessa floresta, tente não deixar nenhum cantinho sem ser revisado.

Isso pode levar tempo...muito tempo. Porém para isso, não há pressa!

E então, de repente, abrir-se-á uma clareira, tudo ficará mais claro e iluminado!

É a percepção de nós mesmos!

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Com esse texto, encerro nosso ano por aqui, bem cedo pois teremos a visita de nosso filho de longe e para tanto, muito a preparar, arrumar e organizar. 

Voltaremos no final de janeiro, após as férias de verão!

Agradeço cada visitinha, cada carinho que foi dispensado aqui e nos meus cantinhos e sempre me deixaram feliz.

O único blog aberto nesse período será o canteiros da vida, de onde trarei novidades quando as tiver...

Por isso, desejo, desde já, ÓTIMAS E FELIZES FESTAS!

UM NATAL DE AMOR E PAZ E  QUE 2017  RAIE CHEIO DE ALEGRIAS E MUIIIIIITA LUZ!


beijos, INTÉ!  chica

♥ O remédio... ♥



Essa é minha participação no blog das 77 palavras, da Margarida, de Portugal:

Desafio de hoje:
Para este desafio, temos a mesma frase a começar e a encerrar o texto.
É esta: Remediar sempre me/lhe pareceu/parecera fácil.
Pode sofrer pequenas alterações, mas terá sempre de ser igual – no início e no fim.
Combinado?

(((o)))o(((o)))o(((o)))


Remediar sempre me pareceu fácil, dizia Roberto aos amigos.

Exibido, contava vantagens. Era o maioral!

Contava que quando marcava encontro com as “gatas” como chamava as moças, já sabia que as deixaria na mão. Seria apenas um encontro, onde conseguiria o que queria e depois, nunca mais!
Os amigos riam, achavam graça. Anos se passaram e ele realmente apaixonado, na igreja esperava a noiva.
Claro, essa não apareceu. Vingança guardada dela e  remediar sempre lhe pareceu fácil !