♥ Fases e saudades... ♥




Desafio nº 115  do blog das 77 palavras, da Margarida


Não resisti a trazer-vos uma frase de Valter Hugo Mãe, 
do livro «Homens imprudentemente poéticos», que estou a ler com paixão. 
Nem sequer foi simples escolher a frase!
Aqui vai:

"Esperaram pelo sono para se mudarem para o dia seguinte."

O que vos surge?

Mas atenção:

Não usem a frase, é só o mote para o texto.

E, já agora, parabéns ao Valter Hugo Mãe, é um livro de uma poética inquietante.

(((o)))o(((o)))o(((o)))

.
Quatro filhos, sem ajuda de ninguém,  avós ou tias...

Só mamãe e papai, quando podia: trabalhava duro.

Ela forte, fazia o que amava alegre. 

Só quando tiveram catapora e caxumba juntos, ficou pesado. 

Haviam combinado? Um melhorava, outro adoecia.  Noites passaram.

Revezamentos. Porém, o casal não conseguia relaxar, dormir...

Tinham medo de, ao acordar, uma ou outra manchinha aparecesse...

Queriam apenas ver dias e noites passar e mesmo sem dormir, "acordar" daquela fase, chegar num "outro dia"...

Conseguiram!

bjs, chica