Querem ver o que temos lá no coisinhas da chica?

Querem ver o que temos lá no coisinhas da chica?
Basta clicar!

Querem ver o que temos no chica brinca de poesia???

Querem ver o que temos no chica brinca de poesia???
Cliquem pra ver!

♥ Passou rápido...




Edição Cartas do Bloinquês

Tema : Passou, como tudo passa.
(((o)))o(((o)))o(((o)))


Praia da Pinheira, 04 de fevereiro de 2012.





Minha querida praia!



Aqui chegamos há quase um mês, cheios de alegria.

Nossas tão sonhadas férias estavam iniciando...

Chegamos quase desenergizados, precisando recarregar nossas  "baterias."..

Parecendo disso saber, nos presenteaste com sol quase todos os dias.

Tuas águas nos banharam, salgadinhas e deliciosas.

Claro, por vezes, resolveste ficar mais geladinha, mas isso faz parte.

Brincamos, sorrimos, caminhamos nas tuas areias, subimos e descemos morros, fizemos todas as trilhas que nossos pés permitiram...

Junto de nosso netinho curtimos tudo, descansamos e desestressamos.

Mas pena!!1 O calendário não para,  o tempo não estanca.

Nosso prazo por aqui passou, como tudo passa...


Chegou a hora de te dar tchau ,olhar para ti com olhos de saudades e fechar esse parêntese de nossa vida que vivemos por aqui.

Foi tudo lindo, adoramos e...Acredita!!!
Já deixamos as próximas reservadas...

No entanto, um ano será preciso passar!

Nem preciso te dizer que enquanto escrevo, em tuas areias sentada, rolam lágrimas e quem me vê, nada deve entender.

Porém, nem me importo!
A relação entre nós é tão forte que sabes me compreender, sabes o que estou sentindo,não é?

Que nesse ano que nos separa, ainda que saibamos de antemão, tantas coisa teremos a enfrentar, possamos usar para tanto, a energia que daqui levamos e armazenamos!


Um beijo, já com gosto de saudade, na crista de tuas ondas...

INTÉ!!!

Chica


* Ainda bem que as férias AINDA não acabaram, mas o tema veio a calhar, pois faltam poucos dias!!!

Pena,as coisas boas vooooooooooooooam!!!

♥ Doce parceria...



Participando da Edição Visual do Bloinquês

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Era tardinha.

As cores do céu se misturavam às do mar, num lindo quadro.

Marieta novamente passeava com LUPI, seu cãozinho já bem velhinho, de quase quatorze anos.

Aquela cena se repetia todos os dias, costumeiramente, mostrando a amizade entre os dois.

Marieta enquanto passeava, fazia seu exercício enquanto colocava as idéias no lugar, relaxando ali sozinha...

E Lupi, aproveitava, no seu ritmo e passo o passeio e banho de mar.

Naquele dia porém, vieram lhe falar que ela não mais poderia trazer o cãozinho à beira do mar. Explicaram todos os motivos .Ela entendeu e não mais o levou.

Porém, daquele dia em diante, vendo-o abanando o rabinho perto dela justamente no horário em que costumavam passear, sentia pena.

Pena da falta de liberdade, pena que tantas vezes a vida parece se complicar, perder sua simplicidade.

Lupi agora já no fim de sua vidinha, teria que se acostumar à nova rotina.

Teria tempo? Pensava ela, enquanto lembrava que ele cada vez mais ,estava velhinho... Uma lágrima rolou só de pensar!

Porém agora, mesmo sem ir ao mar, passeava com ele sempre ao seu lado. E ele sentia que era amado e isso fazia bem aos dois .

Eram e continuariam a ser amigos...Tomara por muito tempo ainda!

♥ Na praia, sentadinha, quietinha, relembrando outros verões,rrs...



Casal e filhos na beira da praia em meio do verão, aquele povo todo, sentados calmamente, crianças brincando, tudo tranquilo...

De repente, chega uma dondoca daquelas bem dadas,com um fio dental enfiado no traseiro e senta exatamente à nossa frente.

Passa um pouco de tempo, atraídos por um bronzeador adocicado que ela usava, chegam alguns marimbondos.

Então ela grita, faz aquela galinhagem toda, se sacode e tudo mais até numa dessas vira para o pai das crianças e diz, com voz de rampeira velha:

-Mooooooooooooooooooooooooooooooço!,pode tirar esse bicho das minhas costas, por favoorrrrrrrrrrrr!

A mãe rápida como um záz, disse para uma das crianças.

- Pega a pazinha e dá uma pazada pra tirar o bicho!

Precisavam ver a cara da sujeita, quando a filha obedeceu a mãe e tacou uma pazada com a maior boa vontade ...

O bicho foi embora e a moça ainda não estava satisfeita.
Após um tempo se vira-se e pede:
Moooooço,tem fogo?

A vontade foi de colocar fogo nela mas pessoas controladas sabem se comportar,kkk.

Simples e delicadamente, convocou marido e filhos pra ir embora, afinal o sol estava já muito quente.

E o que se faz quando vai embora? E o que mais irrita quando estamos deitados na areia?Que joguem areia em nós,não é?

Sacode-se cangas, toalhas, cadeiras, tudo mais, e naquele dia tudo isso foi feito "delicadamente e sem a menor intenção", bem na direção da dita que ficou como bife à milanesa.Coisa mais querida!

A vingança tarda mas não falha! rs...

(((o)))o(((o)))o(((o)))

* Em tempo:  Hoje analisando o caso, eu mesma daria as pazadas,rss! Ah! se daria!!!

♥ Clic, clic, clic do bem...



Edição IMAGEM do Projeto Suas Palavras:

(((o)))o(((o)))o(((o)))

A musiquinha acima, clic, clic e pronto!Estou conectada com o mundo...

Agora, em segundos, risos,  alegrias e emoções compartilhadas em cada pontinho de luz conectado pelos elos invisíveis do coração...

É maravilhoso!

Uma sensação incrível ver daqui, como agora, numa praia, poder estar juntinho, sentindo como se ouvisse o tum,tum,tum dos corações, a cada amigo que visito ou recebo a visita.

Um viva à tecnologia que nos permite ter o mundo todo ao nosso alcance, em nossas mãos.

E que cada um de nós a saiba utilizar para o BEM,espalhando amor, boas mensagens e sementes que germinem aqui, ali e acolá, em cada cantinho desse nosso lindo mundão, deixando-o sempre melhor!


♥Nem sempre é exatamente como pensamos...( Um conto infantil)



Edição CONTO/HISTÓRIA do Bloinques

Deve conter essa frase:
E quando eu chegar em casa, eles estarão orgulhosos de mim...

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Juca  passeava pela praia aproveitando seus dias de férias.

Curtia todos os momentos, A praia deliciosa, liberdade de brincar,passear ,respirar o ar puro de lá, bem diferente do de sua cidade,de onde não sentia nenhuma saudade e aliás, nem queria pensar na hora de ter que retornar...

Mas sabia que fatalmente, isso aconteceria...

Estava com os avós e era com eles que fazia as caminhadas e passeios.

Um dia porém, resolveu dar uma voltinha, enquanto vovô dormia.

Não entraria no mar, coisa que sabia não poder fazer sozinho, mas saiu caminhando e observando.

Apesar de seus apenas nove aninhos, tinha idéias de ver um mundo mais legal e limpinho e pensou:
_Vou limpar todo o caminho dessa trilha!

E assim fez. Pegou um saco de lixo enorme e foi juntando cada pedaço de papel, pauzinho de picolé, tocos de cigarros lá atirados por pessoas irresponsáveis e sem consciência.

O saco estava carregado e pesado quando ele voltou.

No caminho de volta pensou:

_Quero ver a carinha de alegria de vovô e vovó ... Vou correndoquando eu chegar em casa, eles estarão orgulhosos de mim...


Isso porém foi o que ele pensou ,pois ao se aproximar da pousada, viu um monte de gente alarmada e nervosa e vovô correndo de um lado ,enquanto vovó olhava e procurava de outro...

De onde estava chamou:

_Vovô! Vovó!!!

Estou AQUI!!! ONDE VOCÊS ESTÃO INDO?

Ao ouvir aquela vozinha, os avós olharam para o lado e  viram Juquinha.  O abraçaram  bastante tempo, porém depois ralharam muito com ele por ter feito aquilo sem  avisar.

_Viste como ficamos preocupados?
Agora só sairás daqui conosco, senão, fim de férias pra ti!

_Mas vovó, pensei que fossem ficar felizes e orgulhosos...

Após  explicar que a atitude dele também tinha sido irresponsável, tanto quanto os outros,se deram um abraço, muitos beijos e aí sim, foram valorizar aquele gesto presente do netinho.

Agora o nervoso havia passado, podiam relaxar...

Juca combinou que nunca mais  faria aquilo, porém  ajudaria a cuidar para que as pessoas perto deles não jogassem lixo, avisando-as.Assim, nem precisavam juntar nada.

Mesmo arrumando pessoas que faziam cara feia para Juca, a parte dele estava sendo feita!
E sobrava mais tempo para brincar...

* imagem Daqui


♥ Com certeza, estava lá!



13ª Edição Suas Palavras do Projeto Suas Palavras
Escreva o que sua imaginação permitir, mas contendo as seguintes palavras:

SONHO, AMOR, IMPOSSÍVEL, FAMÍLIA

(((o)))o(((o)))o(((o)))


Elisa desde menina tinha um temperamento diferente,era sonhadora e romântica.

Bastava que lhe perguntassem seu maior sonho ela respondia :

_Meu sonho é  viver  numa cidade grande,  bem diferente dessa  em que nasci.

_ Por que ,filhinha? Queres ficar longe da  família?

_ Não ,mamãe, quero desbravar o mundo e tudo que tenho na cabeça  não cabe nesse lugar!

Os anos foram passando e Elisa cresceu. Estudou, se formou e tão logo pode, foi viver seu sonho.
Foi morar no exterior e lá trabalhar.

Trabalhar e trabalhar, era apenas  o que fazia  por lá desde que chegou e pouco a pouco, a Elisa  romântica que ainda morava dentro de si, passou a reclamar...

_ Que diacho de vida é essa? Aqui é tudo grande, bonito ,mas as pessoas mal se olham, não conhecem umas às outras.

Elisa estava caindo na realidade.

Não tinha feito nada de especial, nenhum amigo ou amiga de verdade e se não fosse a vizinha de apartamento, Miss Kernstein , uma velha senhora doente,não falava com ninguém que não fosse os do trabalho.

Ela mantinha contato com os pais e a família, mas não queria falar que sentia-se triste por lá.

Um dia, no entanto, batem forte e insistentemente à sua porta. Era um homem jovem, muito nervoso que se dizia filho da Miss Kernstein e pedia ajuda pois sua mãe estava mal.

Foram correndo até lá e  após a ajudarem nos primeiros socorros e tentativas , nada adiantou.Ela veio a falecer.

Naquela hora, Elisa viu o desespero do filho e o abraçou, Os dois chorando compulsivamente. Para Elisa, o  mundo acabara de lhe dar uma grande dor. Apesar de nenhum laço familiar, era a única pessoa amiga e que lhe dera carinho ,sem nada  pedir em troca.

Os dias passaram e numa noite, Mark, o filho, bate novamente à porta e desta vez, lhe mostra um pedaço de papel escrito pela mãe, que ele acabara de encontrar.

Nele a mãe falava que o seu maior sonho era que ele conhecesse uma pessoa maravilhosa para entregar o seu amor e que ela fazia questão que ele encontrasse Elisa, pois era uma pessoas de coração de ouro.

Ela após ler, ficou ruborizada e deu uma risadinha estranha.

Mark  correspondeu  ao sorriso e lhe disse:

_ Que tal sairmos para um passeio?
E assim fizeram...

 Foram muitos passeios ,jantares, programações e chegaram à conclusão que já tinha se tornado impossível um viver longe do outro. Resolveram que  morariam juntos.

 Felizes, voltaram para o Brasil para visitar a família de Elisa e  ali, naquele cantinho do mundo, ela agradeceu aos pais por lhes ter deixado buscar o sonho, mesmo sofrendo com a distância!

Parecia que, desde sempre,  ela sabia, que seu amor estava lá do outro lado do mundo!


* Imagem daqui e trabalhada

♥ O semeador...



100ª Edição conto/história do Bloinquês

Tema: A cidade amanheceu em festa


(((o)))o(((o)))o(((o)))

Naná estava  muito  agitada,
não gostava do que na vida  via.

Nem na cidade pequena  que morava
andar tranquila, serena, ela sequer  podia.

Aquele dia tinha sido cansativo
não via a hora de um banho e ir se deitar...

Assim o fez e naquela agitação sonhou
que  algo maravilhoso por lá iria acontecer...

Que num  dia  a cidade amanheceu em festa
e que um lindo jovem loiro na cidade chegou...

Por onde passava, todos o saudavam com alegria
sorrisos, olhares doces, carinhos, era tudo que lá se via...

Ele a todos saudava com carinho e atenção
e o melhor de tudo: não era político não!

Portas, janelas, lojas se abriam e felicidade todos agora exibiam...
Era o semeador do amor que ali chegara e com maldades,coisas ruins, acabara...

Daquela cidade, cada morador agora
pretendia dividir o amor , exportá-lo também para dela fora!

Era tudo muito tranquilo, feliz e sereno
até que Naná , num impulso,do sonho acordou!

Mas, estranho! Ela não estava mais agitada!
Parecia se sentir melhor, descansada, mudada!

Abre a janela do seu quarto e pensando no sonho se põe a pensar:
_ Que bom se cada um , de verdade, distribuísse apenas amor ao pela vida  passar!!!

Respira fundo, outra e outra vez
sabe agora que o sonho tanto bem lhe fez!

Iria começar por ela, sem perder tempo, já naquele dia
e tomara pudessem ver nos olhos  de todos, muita alegria!


♥ Lições...




Tarde quente
num trem
ela cansada...

Cabeças cheia
preocupações
tanta coisa "feia"...

Julgava ter problemas!
De repente, olha à sua frente.

Em meio à um emaranhado
de fios do fone de ouvido
vê um homem
um só braço
desafiando o seu  cansaço:
estava os fios a desemaranhar

Ela olha , vê...
Percebe a mensagem que recebeu
Precisa apenas coragem...

É fisicamente perfeita
nem um pedaço, ainda bem ,lhe falta
e os coloca então na "guerra"...

A luta vai  vencer.
Não vai se entregar!

Os "fios emaranhados" da sua vida
um a um vai saber ajeitar!

♥ Eta, nós!!!



Edição Imagem do Projeto Suas Palavras:
Tema Ano novo.

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Eta nós!!!
Vamos que vamos!

Agora é hora de pra frente olhar
ver quanto a vida há de nos encantar!

Olhar pra frente com olhos de esperanças
 sem nunca perder a magia da vida de uma criança!

Eta nós!
Vamos que vamos!

Vamos nosso caminho confiantes trilhar
sem deixar que nada venha nossa paz abalar!

Viver cada dia desse novo ano de verdade
deixar vir até nós a plena felicidade!


Eta nós!
Vamos que vamos!


Vem,vamos juntos mais um ano caminhar,
dentre muitos que contigo quero passar!!!
chica

* Dedicada ao meu maridão com quem quero ter a graça de poder passar muitos, muitos anos mais!