♥ O navio e os ..."presuntos",rs.... ♥



Edição Musical do Bloinquês

Tema: Você me bagunça e tumultua tudo em mim

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Fooooooooooooooooooooooon!
Fooooooooooooooooooooooooooooooooooon!

Ouvia-se o grave apito do navio ,chamando os passageiros à bordo.

Lisa,Bety e Frederica foram as primeiras a entrar.
Eram três irmãs, divertidas e vamos dizer, faladeiras...Adoravam brincar, estar juntas, mas nada passava por elas sem que fosse percebido...

_Olha lá o velhote, caindo os pedaços, com aquela moça novinha ! Xi! Esse vai virar presunto por aqui,vão ver, dizia Bety às outras...

_E olhe lá então a peruca vermelha da mulher bigoduda!!!Que coisa mais estranha!!!

_Noooooooooooossa, o capitão é um "estouro da boiada" de tão lindo, dizia Frederica, essa, sempre enlevada...Sonhava naquela viagem, desencalhar!!!

A viagem seguia e as irmãs adorando tudo..Tinham tanto a ver e curtir...

Após uns dias,de repente, começa um zum,zum zum pelos corredores do navio.O navio teria que atracar na terra mais próxima...

_CREDO!!Uma idosa virou "presunto"! Era o que falavam!
_Como morreu? Coitada !!

E os buchinchos cresciam até que a verdade apareceu: ela passara a noite  com o Capitão e não resistira...Era a mulher bigoduda havia desaparecido de bordo...

Segue a viagem...Tudo era festa e alegria!

Na noite seguinte, uma loira lançando olhares XP 409, jantava com o Capitão.

_Puxa,esse Capitão não é bolinho,heim? Pensa Frederica.Foi-se a minha chance...

O navio seguia e  a viagem bem animada. 

No porto do próximo desembarque previsto,  as três perceberam uma movimentação diferente da usual.  Junto com os passageiros, outro "presunto"..

Mesmo com discrição, elas notaram.

E agora, a curiosidade nem as deixava aproveitar a visita na cidade do desembarque. Não viam a hora de saber quem fora dessa vez...

Papo vai e volta, informações várias,:foi-se a loira daquele olhar penetrante e que jantara com quem?  Com o Capitão!

Passam-se dois dias e elas foram convidadas para um jantar elegante e chique.Era a tal  noite do Capitão, que, por sua vez, flertava de leve, com Frederica.

Durante o jantar,ele, o próprio, em carne  e osso ( e que CARNE, PENSAVAM!!) dirige-se à Frederica, com papos típicos de um bossal conquistador:

_Até tentei resistir, mas o que sinto dentro de mim é algo estranho. Você, belezura, consegue mexer comigo. 
Você me  bagunça e tumultua tudo em mim...Parece que não consigo dominar.É algo muito forte!

Por isso, podemos ter um encontro após esse jantar? Te mostrarei minha  cabine e de lá, a lua fica ainda mais luminosa...

A essas tantas, Frederica já batia cílios repetidamente, enlevada, prestes a cair na lábia...

Nessa hora as outras duas  resolvem agir e falam ao seu ouvido:

_Olha os presuntos!!!

Foi a senha!!

Na hora, Frederica desconversou e livrou-se do "galã" e, as três, se afastaram para suas cabines rindo e pensando alto:

_Xô, urubu!!

Conseguiram sair ilesas.Desembarcaram no destino sãs e salvas...

A viagem foi divertida,adoraram, mas, por um bom tempinho, ninguém pode ouvir  a palavra, muito menos comer presunto sem rir...