Querem ver o que temos lá no coisinhas da chica?

Querem ver o que temos lá no coisinhas da chica?
Basta clicar!

♥ Um botão... ♥



* Foto daqui: Fardilha's

Botão atrevido, sua casa deixou
saiu pelos caminhos
afoito
feliz,
aventureiro.

Passeou,
andou,
novo mundo conheceu...

Após passada a euforia
 da liberdade, naqueles primeiros dias,
 bem mais triste ficou...

Foi usado,
com ele brincaram
mas ao fim,
no chão, o largaram...

Ali, resta ele...
 Ainda lindo,
ainda brilha...

Sonha com uma nova casa?
Sonha em para sua velha, poder voltar?

Enquanto sonha, passa a vida...
O  tempo passa...

Seu futuro, ninguém há de saber!
Ele ali,  torce pelo melhor lhe acontecer!

Haverá futuro a lhe esperar?
Tem qualquer arrependimento?

Pensa em sua velha, primeira casa...
Pensa na sua mãe, naquele momento...

Ela certamente lhe diria:
Para minha casa, podes tornar...

Mas, ela já não está mais aqui....
Entre retalhos, foi enterrada...
Num canto qualquer, numa roupa doada...

Pensa na casa outra que deixou...
E  é a saudade dela agora, que lhe restou!

chica

27 comentários:

  1. Que coisa mais linda!!! Achei divertido, filosófico e envolvente.

    ResponderExcluir
  2. Chica,
    que lindos versos sobre o botão! Adorei! Muito legal mesmo!
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  3. Oi linda,

    até os objetos mais simples, tem sua poesia...sua reflexão.
    Gostei muito, viu?!!


    Bjinhos e uma quarta abençoada por aí!

    ResponderExcluir
  4. Chica,chica,tantas palavras cabem num botão...só nos pensamentos de poetas.Que lindo!!
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  5. Olá Chica

    Enriqueceste a minha foto!

    Mais uma vez é uma honra ver aqui uma foto minha com tão belíssimo poema.

    Um poema que se aplica`à vida e serve de reflexão.

    Obrigada pela honra!

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  6. Oi Chica!

    Lindos versos.

    Bjo minha linda

    ResponderExcluir
  7. Impressionante como as pessoas conseguem trabalhar em cima de uma imagem que, antes de ser poetizada ou analisada, não passava de uma simples imagem.
    Não sei por que, mas não achei o poema divertido, pelo contrário, achei triste pela mãe do botão. Quantas pessoas não se perdem de suas famílias e, inseguras se o retorno será bem recebido, acabam por deixar um vazio imenso em quem ficou.
    Muito bom, Chica!

    => CLIQUE => ESCRITOS LISÉRGICOS...

    ResponderExcluir
  8. chica, que criativa essa estorinha. Nunca pensei nisso! A comunidade dos botões haverá de agradecê-la por procurar uma nova casa para o botão perdido.
    Botão sem casa não tem sentido, não é?
    Um abração
    Manoel

    ResponderExcluir
  9. Olá Chica, que poema belíssimo inspirado num botão! E como um simples botão nos pode mostrar o quanto vale uma vida. Muito lindo. Gostei muito. Bjs Ailime.

    ResponderExcluir
  10. Pobre botão!!
    Lindos versos, Chica
    Adorei!
    Beijinhos mil de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
  11. Chica,excelente poesia do botão!Fiquei emocionada com a triste história dele.bjs,

    ResponderExcluir
  12. Um botão sem casa não casa, mas há de lhe vir a casa perdida. A estorinha é bem triste, mas tem um teor reflexivo grande.
    Como tu és criativa!
    Abração.

    ResponderExcluir
  13. Olá, Chica! Vim pelo Google+ da Anne Lieri. Céus! Quantos blogs você tem, e como consegue administrar a todos tão bem? Adorei seu espaço, e mais ainda, a joaninha no cursor. Um charme! Bem, espero que este botão encontre uma nova casa. Lindo texto!

    ResponderExcluir
  14. Ei Chica
    A pessoa talentosa, que tem o dom da palavra escrita, consegue fazer maravilhas.
    Um simples botão perdido, sem casa, transformou-se num belo texto.
    Parabéns.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  15. Confesso que fiquei emocionada, vontade de chorar!

    Mas de tão lindo!

    Lindo Chica, Lindo.

    beijos vespertinos.

    ResponderExcluir
  16. Casa, botão, vida, saudade... Fiquei pensando como foi que ele saiu da casa... É um conto, parece que decidiu ser livre e experimentar outros momentos... Antes de sair é preciso escolher bem e assumir as próximas aventuras e emoções...

    Muito lindo, muita reflexão e lição!!!

    Beijões...

    ResponderExcluir
  17. Quando era menino juntava-os para jogar ao botão...

    Beijo.

    ResponderExcluir
  18. Oi Chica que poema lindo, reflexivo e muito bem inspirado! Adorei!
    Beijos amiga!
    Mariangela

    ResponderExcluir
  19. Chica, só vc p me fazer ter dó até de um botão kkkkk tadinho rsr bjooooosss

    ResponderExcluir
  20. Bom dia, Chica!!

    Quantas imagens e que bela história um botão te inspirou!!
    A criatividade sempre a mil, por aí!! Que maravilha!!
    Você é surpreendente!!!! Te gosto muito!!!!!!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  21. Criatividade nota MIL!
    Um simples botão de camisa virou poesia em sua imaginação...ah eu adorei!
    Parabéns Chica!

    Beijos com carinho.

    ResponderExcluir
  22. CHICA QUERIDA, VIM VER OS TEUS LINDOS VERSOS, LINDOS SIM, TU CONSEGUES DE UM BOTÃO FAZER POESIA , PARABÉNS E LI OS OUTROS TAMBÉM GOSTEI MUITO, NÃO FOI PRECISO LUA NEM ESTRELAS NEM SOL QUE SEMPRE É USADO PELOS POETAS,QUEM TEM TALENTO QUALQUER OBJETO SAI UMA POESIA, VIVA!!. UM ABRAÇO AO CASAL BEIJINHO NO NENO. CELINA,

    ResponderExcluir
  23. Dando asas à imaginação da sua fofa história,
    confesso que se eu encontro um botão por aí, trago comigo e guardo num pote de coisinhas solitárias que tenho. Parece bobagem mas é verdade. rs

    bjo de luz, Chica
    =)

    ResponderExcluir
  24. Oi Chica! Que linda poesia! Realmente você da asas a imaginação. Adorei!
    Obrigada pela visita, uma linda tarde. Bjuss

    ResponderExcluir
  25. Que lindo, Chica. Amei! Engraçado isso... a gente tentar voltar a lugares no passado que nos deixaram feliz, mas ele só existe na nossa lembrança. O tempo parece envelhecer aquele nosso passado (ainda tão presente...) O passado não fica lá estático, à nossa espera. Cada momento da nossa vida é único, valioso demais. É assim mesmo. Ainda que o botão encontrasse a sua antiga casa, nada seria mais daquele antigo jeito... Beijos! :)

    ResponderExcluir

Que bom te ver aqui !