Querem ver o que temos lá no coisinhas da chica?

Querem ver o que temos lá no coisinhas da chica?
Basta clicar!

Querem ver o que temos no chica brinca de poesia???

Querem ver o que temos no chica brinca de poesia???
Cliquem pra ver!

♥ Uma carta, uma intromissão,rs... ♥




Essa carta surgiu da leitura lá na Clara , num post emocionante: Viajei nele e entrei no clima,rs...Ficção e realidade andam juntas!

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Prezado Sr. Agnaldo


Desculpe, em primeiro lugar,  a intromissão!

O Sr. não me conhece e fiquei sabendo de sua existência ao ler um lindo texto numa amiga, inspiradíssima, a Clara!

Fiquei com vontade de dizer para  lhe animar, mostrar o quanto  é feliz em ser aposentado e morar num lugar assim com praia, que permite caminhar no calçadão! Pegar solzinho num banco olhando o mar!

Isso é coisa para poucos!

Faça um esforço e imagine-se ser aposentado em P.Alegre, onde nem andar às ruas com segurança o senhor conseguiria, como tantos e tantos por aqui...

Sua missão no trabalho, foi plenamente cumprida! Não há de existir essa dor, sentindo-se a quinta roda da carreta...

O tempo passou, o trabalho foi desempenhado e muito bem e novos por lá chegaram que irão desempenhar a sua função, provavelmente com menos amor, mas seguirão e um dia, estarão felizes ao ver suas aposentadorias chegarem...

Claro que, em se tratando de Brasil,.as coisas para os aposentados não são bem assim... Não há o reconhecimento devido...Pensam en coisas grandiosas nossos políticos, pensam em Copa do Mundo, estádios e baboseiras mais. A educação, saúde e aposentados, ficam para depois.Muiiiiiiiiiiito depois, que nunca acontece!

Realmente tudo muda!  Apertos nos "cintos" são necessários para adaptação do modo de vida.

Viver  com a aposentadoria, que é pouca e sobreviver com os "guardados", esperando que o tempo de vida não os ultrapassem para não ficar dependendo de filhos...

E, tantas vezes, filhos e netos dependem desses guardados e até mesmo da aposentadoria.  

Há ainda, os filhos que mesmo usando e abusando do velho pai, ignorando sua idade e estado de saúde, dão-se o direito de desaparecer...Ser senhores, enquanto com o pouco ganho do pai, é pago até o plano de saúde de um filho para não deixá-lo desamparado à sorte do SUS, que todos sabemos a situação...

Pobre desse pai!  Esse é digno de pena e tem razão para chorar. 

E, esse, nem tem o mar por perto...Tem apenas sua esposa e companheira de vida! Aliás, o sonho de vida deles sempre foi ter o mar perto, mas por questões familiares, precisam estar a cuidar de netos e auxiliar na criação...

Assim, Sr. Agnaldo, não sei se lhe confortei ou lhe deixei mais desanimado... Se assim for, essa não foi minha intenção!

Vá,abrace sua esposa, saia com ela, vá ao calçadão, sentem-se naquele banco, chorem, riam olhem o marzão à frente  que mostra ondas que vão e voltam... 

Em cada uma delas, coloquem seus olhares e acompanhem o lindo movimento. Respirem fundo ,deem-se as mãos e vão ser felizes, do jeito que der!

E sempre dá!!!

Um abraço respeitoso, dessa desconhecida, intrometida,

 Rosa


21 comentários:

  1. Bom dia Chica, achei maravilhosa sua intromissão com o Sr Agnaldo, foram belos conselhos eu não teria feito melhor.
    Mas o intendo perfeitamente, foi assim comigo quando fui nocauteado por uma tenossinovite crônica nos sentimos impotente. Mas depois agente vai levando, curtindo até e por que ñ?
    Ainda mais pra quem mora perto de um marzão assim como ele.
    PS:Eu tbm moro perto desse marzão e como é lindo!
    Chica estava esquecendo, vc já foi na salinha de mimos oferecidos que eu tenho em meu blog?
    Se ainda não foi fica aqui o convite.
    Bjssss

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Chica!
    Acho que o sr. Aguinaldo achou bem vinda a sua 'intromissão',
    palavras sábias e inteligentes...
    Gostei da carta!
    Boa semana, bjs \o/

    ResponderExcluir
  3. Chica, aí como cá os aposentados entram no rol dos pouco considerados, para o Estado. De certeza que o conselho é bom e bem intencionado. Eu aconselharia mais o seguinte, estar aposentado, nunca pode significar falta de objetivos.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Adoro ler a Clara e ela mostrou sua visão da aposentadoria, através de um Agnaldo derrotado. Mesmo que se perca dinheiro, ao se aposentar, os ganhos podem ser maiores. a realidade de muitos Agnaldos é mesmo ainda sustentar a família, ajudar a uns e outros, mas até disso ele pode abrir mão, deixando cada um seguir sua vida. Agnaldo tem que se focar em si mesmo e na companheira, e curtir suas horas ociosas, né?
    Beijo, chica.

    ResponderExcluir
  5. Linda carta Chica, a vida dos aposentados nesse país não é nada fácil a grande maioria aposenta com um salário muito baixo, e como a carta diz ainda tem que dividir com os familiares muitas vezes! Bela carta! Bjossss

    ResponderExcluir
  6. É difícil viver-se de aposentadoria neste país das injustiças. Os poucos que ganham um salário mais digno, ficam a pensar: aposento ou não aposento, pois se aposentar o máximo que devo ficar ganhando é R$ 4.390,24, o famigerado teto do INSS e a sua correção anual ainda é abaixo da inflação porque os nossos "amados" políticos não votam uma lei que corrige essa distorção e está no plenário desde 2008. O aposentado não pode fazer greve, apenas implorar a Deus por misericórdia.E muitos são os Agnaldos espalhados por essa terra varonil. Palavras sábias num momento oportuno essa carta anunciou.
    Abração.

    ResponderExcluir
  7. Chica,
    Gostei da tua carta de intromissão. Ser aposentado aqui no Brasil é mesmo uma luta. Mas não pode reclamar, tem que aproveitar mesmo a vida e sair para passear com a esposa dele mesmo. Vc disse tudo para ele nessa carta!
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  8. Chica,uma bela carta e com uma msg muito sábia ao sr Aguinaldo. Não podemos entregar os pontos! bjs,

    ResponderExcluir
  9. Ser aposentad@ é bom, depois de tantos anos de trabalho - mesmo quando se gosta do que se faz, como foi o meu caso.

    Pior mesmo, é os cortes que nos estão fazendo e que arrastam muita gente para a miséria, pois o desemprego está numa percentagem altissima !

    Boa semana

    ResponderExcluir
  10. Oi Chica! Não vejo nenhuma intromissão na tua bela e e bem conselheira carta. Tenho certeza absoluta que o Sr Agnaldo vai tirar um bom proveito dela. No Brasil existem os aposentados do congresso de Brasília e os apoapertados de fora de fora do congresso. Eu sou um desses últimos.

    Abraços,

    Furtado.

    ResponderExcluir
  11. Oi Chica
    Muito boa sua intromissão, cheia de sabedoria e verdade.
    Beijo

    ResponderExcluir
  12. Chica, agora eu que me emocionei...
    Vou levar essa carta para seu Agnaldo e ele há de se emocionar também e lhe ouvir cuidadosamente e seguir seus conselhos.
    Que conselhos maravilhosos!
    Muito obrigada, Chica, vc, assim como eu, nos intrometemos nas histórias sim, porque não passam de momentos da realidade com personagens reais e sentimentos verdadeiros.
    Beijos, querida gaúcha!

    ResponderExcluir
  13. Dois textos maravilhosos que se completam! Parabéns Clara e Parabéns Chica. Vocês comoveram os leitores! Seu Agnaldo com certeza vai olhar para seu futuro com olhos mais otimistas.
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Chica, quanta verdade há nesta intromissão!
    Uma reflexão e tanto... Sabe, uma coisa que me impressionou/marcou no nosso passeio, foi a segurança e o respeito ao ser humano... Os idosos por lá são bem cuidados e, por isso mesmo, têm uma longevidade digna... Quando fui entrando no Brasil, disse p mim mesma: cuidados novamente temos que ter/c bolsa, malas..., aqui é outra realidade! Podíamos sair a qualquer hora sem medo de ser roubado, assaltado ou enganado...
    Hum, ficção e realidade andam juntas!!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Fui lá na Clara, e também me emocionei. O sentimento que vem com a aposentadoria é o da inutilidade, mas temos que encarar que é apenas uma nova fase da vida, embora não reconhecido, todos merecem se aposentar e poder desfrutar um pouco mais ,
    Linda a sua intromissão.

    ResponderExcluir
  16. As metrópolis e a melhor idade, para se pensar. Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir
  17. Amei Chica...como sempre!
    Bj no coração.

    ResponderExcluir
  18. Uma inspiração puxa a outra bem assim Chica e nesta viagem com a querida Clara boa neste assunto, voce se saiu muito bem nesta bela e critica carta.

    Meu abraço de paz e luz.

    ResponderExcluir
  19. Intromissões assim, Chica, produzem saborosos frutos. Há dois lados em todas as fases da vida e a aposentadoria, que termina com uma, também abre portas. O nublado acaba por se dissipar, permitindo que se veja, no simples, motivos de alegria e encantamento. Bjs.

    ResponderExcluir
  20. Chica, se eu fosse esse aposentado, agradeceria a sua intromissão! São palavras que confortam, que ajudam, que impulsionam a criatura! Aposentar-se não é uma sentença de morte, e sim pode ser vista como um presente pelos anos dedicados. Tem muita vida além do trabalho! Trabalhar não deve ser o centro de nossas vidas, apenas um meio de sobreviver junto com outras tarefas.
    Gostei de sua carta, você virou voluntária? rssss Vai ajudar muito...
    Beijos!

    ResponderExcluir
  21. É mesmo esse o espírito!! viver a vida dia a dia e aproveitar o que cada um tem de bom! Todos têm, basta estar atento!

    beijinhos

    ResponderExcluir

Que bom te ver aqui !