terça-feira, 20 de agosto de 2019

♥ 13 ª BC Na casa da vizinha ♥

Hoje  o tema da 13' ª BC Na casa da vizinha é esse:

“Adolescência dos filhos! Estamos preparadas para sua chegada?”

O tema dessa edição foi sugerido pela Ana Paula

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Ficamos grávidas, esperamos os nove(?) meses para ver nossos "pacotinhos" e nos derretemos de amor por cada um que chega, apenas somando amor à família com cada rebento...

São uns doces, fazem gracinhas, aprendem são inteligentes, ativos(e como!!!),brincam, pulam, aprontam... Nós ao final do dia, cansados mas felizes...

Mas o danado do tempo passa...

Eles crescem, nós amadurecemos também...
As saídas em família, os carros cheios, as mesas lotadas e barulhentas de tantas conversas, de repente, vão ficando diferentes... Nem sempre os programas dos pais, são os que os filhos desejam. Assim, emburrados ficam ...À mesa, o apetite some nas meninas que já querem se cuidar... Nos meninos, o apetite aumenta e isso nos deixa felizes sempre...

Assim, pouco a pouco vamos notando e percebendo que alguma coisa mudou...


As meninas da casa faceiras, se enfeitam, arrumam cabelos, procuram "modelitos" ainda que com suas velhas roupinhas...


Os meninos, ainda voltam pra casa sujos ,suados doas peladas de futebol com amigos... E mais um fechar de olhos, surgem os namoradinhos... Coisa bem normal! Sustos! Cuidados!



Bem ,enfim a adolescência está em nossas casas. No nosso caso, foram quatro adolescentes de uma só vez!!!
Dio Santo, como resisti???Mas a fase passou e a roda da vida girando, girando...

Nova "rodada" e nos vemos diante de netos que enchem nosso carro, deixam nossos ouvidos atordoados de tantas conversas...Aqui um deles, de tanto que falava, recebeu do vovô, o apelido de "stanca cervello", ou seja cansa cérebro...

A folia grande quando dos encontros, as brincadeiras, alegrias, conversas ao mesmo tempo... Não mais que de repente, tudo começa a ficar mais vazio... Agora, nessa fase, já vivemos a era da tecnologia e celulares que os deixam absortos...

Enfim, somos capazes de mais essa fase da vida acompanhar, mas confesso que, com os filhos nem senti. Hoje sinto como bem mais pesada ver essa fase de introspecção deles, mas temos que respeitar. Logo, logo, voltarão os longos papos e mais essa fase terá passado!

Será chegarei a ver mais uma roda da vida, vendo os netos casarem ou não, mas formando suas próprias famílias?

O que é bom é que todos sabemos: ninguém escapa das fases e a adolescência é uma delas...

 Muitas existem e temos que saber vivenciar ou acompanhar.

Carinho, amor, respeito e limites são sempre necessários!

E assim vamos que vamos!!!
(((o)))o(((o)))o(((o)))

Vejam o que outras participantes pensam e vivem lá na e na Cris e participem!



bjs, chica

11 comentários:

  1. Boa noite de paz, querida amiga Chica!
    Nao foi facil a adolescencia dos filhos. Um raspou a cabeca (rs)... Apareceu na minha frente...
    Uma pintou o cabelo com uma mistura de oxigenada (rs) num ano novo na casa da amiguinha vizinha... Duas lindas meninas loirinhas ficaram...
    Bem, na minha, eu fiz algo similar: depilei a metade da perna com aquele aparelho de barbear antigo de gilette (rs) achava que a mae nao fosse ver...
    Enfim, artes de adolescentes que se acham espertos...
    Que bobinhos somos ainda mesmo tendo tanto estudo ja!
    Enfim, nossos pacotinhos foram muito bem cuidados e ve-los cuidando da propria vida e uma tranquilidade para nos, maes.
    Parabens pela sua criacao aos pimpolhos amados!
    Tenha uma noite abencoada!
    Bjm carinhoso de paz e bem

    ResponderExcluir
  2. Oi Chica!! Que gostoso te ler.... É bem isso tudo e mais um pouco que vivemos... No meu caso um turbilhão de acontecimentos e mudanças com apenas uma. No seu nem viste passar direito o dos filhos por serem quatro... As vezes nem dá tempo né...
    E os netos que são filhos de novo...
    Sim, o silêncio é custoso... a troca de palavras pelos celulares, a reserva, introspecção...
    Tudo são as inevitáveis fases... Mas como você bem disse, carinho, amor, respeito e limites são chaves essenciais para conseguirmos encarar tudo com mais excelência...

    Obrigada pela linda participação... Seu link já está la..
    Adoro te ler..

    Beijos,

    Tê e Maria ♥

    ResponderExcluir
  3. Bom dia Chica!
    A cada postagem a gente vai aprendendo mais, admirando mais e sabendo pela tua experiência, a da Rosélia no comentário acima, que é só uma fase e que vai passar e eles voltarão a ser o que eram - falantes, companheiros!

    Haha! tenha certeza de que você verá esse novo giro da roda agora com os netos e vai contar tudinho para nós!

    Sabe é tão importante, bonito, ver teus filhos próximos, companheiros, brincalhões, porque quando a gente está passando por essa fase com nossos adolescentes, fica difícil acreditar que vai passar. Silêncio, cara fechada, mau humor... mas faz parte para essa transformação que virá!

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  4. Querida Chica como amei a forma que abordou um tema que ao meu ver parece tão delicado... mas, com bem disse são fases!!
    Coisa linda de ver os momentos de cada fase... acredito que essa é mais uma que enfrentamos e já vc já está na mesma fase só que desta vez com os netos... A vida de fato é uma imensa roda que não pára um instante sequer!!
    Mas... vamos girando... e nos reencontrando!!
    Amei sua participação, obrigada!!!
    bjs, Cris

    ResponderExcluir
  5. Não estamos preparados mas tentamos preparar_os!
    Bom refletir... Bj

    ResponderExcluir
  6. Mudam-se o modo de viver, mas os princípios permanecem: amor, respeito, limites. Conforme você disse e podemos ver em cada postagem sua um modo de ser com dignidade e coragem. Lindo de ver!!! Beijo. Renata e Laura

    ResponderExcluir
  7. Fabulosa sua crônica! Adorei e é bem isso. Acabou que no meu momento tudo esvaziou, a casa grande demais e limpeza mais ainda com o corpo já cansado e lento! O difícil é aquele celular que nos rouba a atenção e eu, só com a neta que não desgruda do celular, grudo na televisão! Parabéns! Beijos!!!

    ResponderExcluir
  8. Maravilhosa sua participação falando sobre essa fase tão difícil. Não tenho filhos, mas é mesmo que ter, pois, moram em minha casa duas meninas lindas, duas pérolas que nos dão muita alegria e na fase da adolescência foi de uma delas foi um Deus nos acuda! Passou, sobrevivemos (eu e minha irmã) e agora vem da outra, essa sim é complicadinha rsrsrsrs. Foi o xodó de meu pai, é a caçula e minha afilhada. Gordinha demais e acha que não tá, num quer frequentar academia, nem ir para a nutricionista, uma dor de cabeça! Mas, se encantou pelo Muay thai e pela saúde dela, lá vai eu com cinquenta e poucos anos treinar junto com ela. Mas, tudo isso é gratificante, é amor e felicidades recíprocas. Se não fossem elas, estaríamos só as duas coroas encalhadas dentro de casa kkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Beijos carinhosos!

    ResponderExcluir
  9. Que fofuras. Amei ler e conhecer mais um tantinho. Que Deus abençoe a todos.

    ResponderExcluir
  10. Quanto amor, Chica!
    A vida é sempre embalada com as alegrias e as dificuldades, mas no final tudo é amor!
    É um desenrolar da vida que vai e vem, e nesse desenrolar a vida se repete... Os filhos mais velhos veem os netos, que chegam e depois se vão com suas particularidades também...rs
    Por aqui acompanho e deixo o curso da vida percorrer, porque a vida é isso, um viver e amar de cada dia...
    Lindo texto, cheio de amor e doçura, como sempre...
    Beijos doces,
    Ju

    ResponderExcluir
  11. Um relato bem real da vida de muitas mães, com estas mudanças que vem dos filhos e quando se tem muitos deles a carga é pesada mesmo e as preocupações crescentes bem se sabe.
    Sempre uma participação para encorajar e estimulara as meninas da BC.
    Abraços Chica e feliz seja Setembro com paz e flores.

    ResponderExcluir

Que bom te ver aqui !