♥O trem e o "impedimento"... ♥



No trem ela estava.
lugar para sentar,não existia!
De repente, em pé,tudo  passou a ver...

Jovens tatuadas,
bebê sendo  amamentada,
outra de perna quebrada.

Um velho senhor com olhos tristes,lacrimejava.
Outro jovem,ao lado, bocejava...

E o trem seguia. Ia, ia!
A cada estação, uns entravam, outros se iam.

Seu rosto enrugado a idade mostrava.
O lugar lhe era sempre por alguém oferecido...

Mas justo hoje? -Se questionava!
Tantas e tantas viagens fizera,
nunca ninguém lugar oferecera!

Ela  hoje, sorrindo, recusava.
Nunca havia visto junta, tanta educação!

Que bom, pensava animada!
Mais olhares, mais constatações!

Mais um que o lugar lhe oferece, como que questionando:
-Por que será que essa "velha" não senta?
Estará promessa pagando?

Mas não sabiam todos o motivo...
Um furúnculo em seu "sentante" se instalara
e assim, muito melhor em pé, foi o que lhe sobrara!

A viagem acabou!
No ponto final ela desceu!

Espera que na próxima viagem,
sem percalços, sem qualquer impedimento
 pessoas a vejam e lhe ofereçam o assento!

chica